Você sabe o que é a ressurgência?

O curioso fenômeno que influencia na temperatura da água pode trazer ainda mais impactos ambientais

Publicada em: 26/11/2020 12:26:31


Você já teve a impressão de que no inverno a água é mais quente e no verão mais fria? Hoje viemos contar que isso não é coisa da sua cabeça, e sim algo que de fato ocorre em algumas localidades. 

Para entender melhor o por quê desse fato, entramos em contato com a oceanóloga Lívia Mariano para podermos explicar esse evento com o respaldo de uma especialista.

O fenômeno responsável por essas características é a ressurgência, em que as águas subsuperficiais (mais frias) sobem para as camadas superficiais, diminuindo a temperatura. 

Se você deseja entender mais sobre esse processo, vamos esclarecer abaixo possíveis dúvidas sobre o assunto. 

Por que nessas estações do ano? 

No verão, temos mais ventos do nordeste e leste que, sendo paralelos à costa, favorecem a ressurgência. Já no inverno, com a maior passagem de frentes frias, este padrão de ventos é quebrado e a água tende a ficar mais quente. 

“Esses ventos de Nordeste e leste, comuns no verão, se devem a um sistema de alta pressão na atmosfera chamado anticiclone subtropical do Atlântico Sul (ASAS). O deslocamento do mar em superfície ocorre de forma mais ou menos perpendicular à direção do vento, para a esquerda no hemisfério sul, e com isso, esses ventos, quando intensos e persistentes, fazem com que a água em superfície se afaste da costa e haja a ressurgência de águas mais profundas e frias. Isso ocorre principalmente em Cabo frio, mas percebemos essa pluma de água (uma mancha com uma cor diferente das demais áreas) mais fria frequentemente se estendendo até aqui. E no inverno há um aumento de ventos de quadrante sul, havendo menor probabilidade de ocorrência desse fenômeno.” atestou Lívia Mariano.  

 

É possível identificar esse fenômeno visualmente?

A ressurgência pode ser vista por meio de satélites que medem a temperatura da superfície do mar (TSM). Nessas imagens, é possível ver a pluma da água mais fria. 

 

Qual o impacto da ressurgência?

Esse fenômeno é o que causa grande impacto na situação socioeconômica do ser humano, pois ele potencializa a produção de pescado. Isso ocorre pois as águas mais profundas são as mais nutritivas, e assim como na terra, os vegetais são a base da cadeia alimentar. Então, quando trazidas à superfície devido à ressurgência, os nutrientes são utilizados pelos fitoplânctons, aumentando a presença dos mesmos em locais mais acessíveis, e assim se inicia o “efeito dominó”, pois a grande quantidade de fitoplâncton significa muita comida para toda a cadeia alimentar, que, chegando ao homem, são as áreas de pesca mais férteis do mundo. 

Publicada em: 26/11/2020 12:26:31

Meio da Barra

segunda-feira - 18/01/2021
VELOCIDADE
6.21 kts
DIREÇÃO

ÁGUA
20º
TEMPO
20º

SEJA PREMIUM

Tenha acesso a cameras exclusivas, conteúdos e ao nosso alerta de swell.

ASSINE JÁ